top of page

Estabilização híbrida cervical

Caso extremamente comum e frequente, de doença discal cervical grave em três níveis, que acarreta descompensação do equilíbrio cervical com sobrecarga das articulações posteriores e da musculatura paravertebral. Me acompanha nesta leitura?


Este quadro apresenta dor cervical (torcicolo) crônica diária de forte intensidade; associado à extrusão discal, onde o conteúdo do disco intervertebral extravasa e comprime estruturas medulares e radiculares, causando sintomas neurológicos graves, além de irradiação para membros superiores, perda de força em mão direita, alteração de equilíbrio e de sensibilidade em mãos e pés; caracterizando caso delicado e dramático, apesar de fazer parte da rotina diária de atendimento.


Entenda mais sobre artroplastia

Como bem sabido, sempre que possível, tenho preferência por artroplastia (prótese de disco) para tratamento de doenças, tanto cervical, quanto lombar. Tal fato se dá, pois as artroplastias permitem a manutenção da mobilidade do segmento operado, reconfeccionando a lordose, ou seja, o alinhamento cervical normal e protegendo os segmentos adjacentes à cirurgia de degeneração precoce.


No entanto, em casos de doenças mais extensas como do caso em questão, onde existe a necessidade de abordagem cervical em três níveis, abrimos mão do que chamamos de estabilização cervical híbrida, onde mesclamos técnicas de artrose com artroplastia.


O processo cirúrgico

Neste caso em específico, foi realizado artrodese (fusão óssea) dos segmentos C6-C7, através da utilização de CAGE (gaiola) intersomático associado à placa modular de última geração; sendo realizado artroplastia (prótese de disco capaz de manter mobilidade e refazer anatomia segmentar normal) nos segmentos adjacentes C4-C5, C5-C6.


Desta forma, o paciente não apresenta a perda de mobilidade da coluna cervical, recuperando a funcionalidade total, tanto de movimentação da cabeça e do pescoço como de recuperação dos sintomas neurológicos previamente apresentados, além da reestruturação da lordose cervical normal do indivíduo com correção do balanço sagital e, desta maneira, prevenindo degeneração precoce dos segmentos acima dos operados que até o presente momento se apresentavam sadios.


Apesar de casos como este fazerem parte do nosso dia a dia, são extremamente gratificantes pela complexidade técnica e intelectual envolvida, além da altíssima tecnologia, hospitalar, humana e de implantes utilizados, para que se consiga o objetivo de tal magnitude.


Veja mais detalhes nas imagens

Nas imagens seguintes, vemos a evolução dos exames de imagem, com tomografias em reconstrução 3D, mostrando no 1º corte o destacamento dos implantes e a integridade e posicionamento dos mesmo e no segundo vídeo uma visão anatômica extremamente real das estruturas ósseas e discais da coluna vertebral, bem como alinhamento dos corpos vertebrais e o posicionamento das facetas articulares.


Vale ressaltar que existe uma grande diferença entre a medicina básica e a medicina de extrema qualidade, que apenas podem ser desenvolvidas em poucas instituições ao redor do mundo.


Desta forma, eu como minha equipe nos orgulhamos de todo esforço e dedicação diária para atingir a excelência e a individualização do tratamento dos meus pacientes.


Abraços,


bottom of page