CASO CLÍNICO | Hérnia de disco + Artroplastia Lombar

Hoje apresento um caso relativamente simples, na verdade simples não seria a melhor palavra para descrever essa cirurgia, mas sim um caso relativamente rotineiro dentro de nossa prática médica. Gostaria de me acompanhar nesta leitura?



Entenda mais sobre este caso


Neste procedimento cirúrgico foi realizado a substituição do disco intervertebral de L5-S1 por uma artroplastia de terceira geração, ou seja, ele foi retirado e substituído por um disco artificial, com as mesmas características anatômicas de um disco natural.

É importante ressaltar, que neste tipo de procedimento, conseguimos "obter a cura" das discopatias (hérnia de disco e protusão) pois a estrutura lesada é trocada por uma estrutura com as mesmas características, referida como normal ou original, refazendo assim a anatomia funcional desse segmento e reconstruindo a lordose segmentar, além de manter a mobilidade normal do segmento operado.

Desta forma, doenças muito graves como hérnia de disco e protusões conseguem ser tratadas de forma muito eficiente e não deixam sequelas ou perda de mobilidade.

Alta tecnologia a serviço de uma vida sem dor


Como todos que me acompanham sabem, casos como este me enchem de alegria e satisfação, pois permitem o retorno do paciente às atividades habituais, sem limitações ou perda de qualidade de vida mesmo diante de doenças de maior gravidade.

Agradeço a Deus pela sabedoria e a minha equipe por todo o trabalho e suporte durante todos esses anos de desenvolvimento e aprimoramento de técnicas modernas e eficazes como apresentada neste caso clínico.

Abraços,


Dr. André Evaristo Marcondes

Atendimento presencial e à distância

São Paulo, 10 de maio de 2022