CASO CLÍNICO | Fratura patológica em osso osteoporótico

Alguns casos são realmente desafiadores, uns em decorrência da gravidade da lesão, outros em decorrência de características clínicas do próprio paciente e muito frequentemente em decorrência da má qualidade óssea apresentada pelos pacientes. Me acompanha nesta leitura?






Entenda mais

Esse caso se refere à fratura patológica em dois níveis, em paciente já de certa idade vítima de queda da própria altura, evoluindo com fratura explosão de L4+ fratura acunhamento de L3, incapaz de deambular devido a queixas álgicas severas e diminuição de força em membro inferior esquerdo, necessitando de abordagem cirúrgica emergencial para retirada do paciente do leito, permitindo deambulação precoce e evitando os riscos de permanecer longos períodos acamados.


Entenda o procedimento cirúrgico

Neste caso foi utilizado sistema de fixação de altíssima tecnologia, que permite injeção de cimento ósseo através de parafusos canulados, associado à fixação do segmento com barra de cromo cobalto (material mais resistente que o titânio) para permitir rápida estabilização do segmento e consolidação óssea precoce, além de propiciar sua imediata mobilização e deambulação.


Sistemas de fixação mais modernos como apresentado nesse caso, ajudam muito o cirurgião em casos extremamente complexos, ressaltando que o cimento ósseo não funciona como uma cola, mas sim como uma esponja que aumenta de temperatura e se expande enrijecendo, ocupando desta maneira o espaço previamente constituído de osso osteoporótico e permitindo dessa forma a fixação dos parafusos junto ao osso.


Considerações finais

Dessa forma fica salientado a necessidade de acompanhamento ortopédico precoce para avaliação de qualidade da massa óssea através de densitometria óssea e múltiplos exames de sangue, permitindo assim a prevenção de osteoporose e tratamento precoce nos casos em que ela já tenha sido instalada.


Não deixe de dar atenção à sua saúde, pois a longevidade com certeza virá e as consequências do tempo são irreversíveis.


Expertise e tecnologia a serviço das suas necessidades.


Abraços,


Dr. André Evaristo Marcondes

Atendimento presencial e à distância

São Paulo, 10 de junho de 2022